10 conselhos para um jovem do século 21

Este ano completo 35 anos e chego oficialmente na meia vida. Hoje colho os frutos do que plantei há dez ou vinte anos atrás, inicio do século 21. Recebi muitos conselhos bons e ruins nestes anos. Por isso, compilei uma lista com o que gostaria de ter ouvido aos 15 anos de idade.

Considere namorar uma amiga – se uma pessoa possui os mesmos valores (moral e religião) que você e é sua amiga, considere começar um namoro. Não leve tanto em consideração a atração sexual. De fato, você passará mais tempo desenvolvendo a amizade com sua esposa, do que tendo relações sexuais com ela.

Sua castidade vale mais que um tesouro – não importa quantos anos de vida você tenha, continue guardando sua castidade. Seu olhar, seu falar, seu vestir, sua forma de se relacionar com as pessoas, principalmente do sexo oposto, devem ser puros.

Não seja rico – não busque de forma alguma ser rico, pois isto te tornará um avarento. Busque trabalhar com dedicação e diligência. Seja um excelente profissional. E nunca gaste mais do que você ganha. Mas não queira acumular bens ou ganhar mais do que você realmente precisa. Isto te tornará infeliz.

Busque uma profissão o mais rápido possível – aprenda desde muito cedo a ter uma profissão útil, qualquer que seja. Um curso técnico de um ano deverá lhe garantir isso. Ou trabalhar de graça para alguém, ou com a família. Uma profissão inicial lhe ajudará a ter a independência necessária (financeira e psicológica) para tomar as decisões sobre sua formação e carreira posteriormente.

Fale com Deus sempre – não seja aquele amigo esquecido, ou que só procura o outro quando precisa de alguma coisa dele. Deus é seu melhor amigo, e está ansioso para lhe falar e te escutar na intimidade. Tire um momento do dia para se encontrar com ele sem que ninguém saiba.

Sábios escondidos – neste mundo existem pessoas e instituições que sabem muito mais sobre a vida do que nós, jovens, jamais imaginaremos. Porém não ficam alardeando, nem fazem propaganda. A Igreja Católica é uma delas.

Cuidado com a dominação do mundo – existem pessoas muito poderosas e ambiciosas que tentam dominar o mundo. Por isso, cuidado com governos e ideologias. Esteja sempre pronto para questionar a fundo o que dizem e propõem; busque sempre a verdade acima de todas as coisas.

Seja sempre simples – leia, estude, pesquise e tenha gosto por aprender sempre. Mas nunca deixe que isso defina quem você é. Você não é aquilo que você sabe (ou pensa que sabe); você é aquilo que Deus lhe fez, filho amado. O conhecimento torna-se ultrapassado. Mas a sua pertença à família real de Cristo, nunca.

Não trabalhe demais – trabalhar muito é uma grande armadilha. Todos temos as mesmas 24 horas a cada dia. Uma pessoa que trabalha mais que 8 horas por dia acaba negligenciando aspectos importantes do tempo (tempo com a família, com os amigos, com Deus e consigo mesmo). A vida irá cobrar mais cedo ou mais tarde isso de você.

Case-se e tenha filhos, se você pode – o casamento não é para todos, porém, se você encontrou a pessoa certa, não tenha medo de casar com ela na presença de Deus e ter os filhos que lhes forem concedidos. Esse é o projeto de vida mais ambicioso que existe, e demandará muito mais coragem do que você imagina. Consequentemente, a recompensa será imensa!

Marcações: